18/11/2019 / by Administrador

Blitz em Taquara fiscaliza 77 empreendimentos

Entre os dias 12 e 14 de novembro, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Rio Grande do Sul (CREA-RS) promoveu uma Blitz de Fiscalização nos municípios que abrangem a Inspetoria de Taquara, como Rolante, Igrejinha, Três Coroas e Parobé, com foco na área Civil, Geologia e Engenharia de Minas.

Os agentes fiscais Homero B. Lopes, João Henrique Fetter e Sergio Durli Bento Gonçalves, sob a supervisão de Alessandra Borges, percorreram os municípios e fiscalizaram 77 empreendimentos para verificar se obras e serviços técnicos estavam regularizados e de acordo com as normas regulamentadoras do exercício profissional.

O foco foi na área civil e em Geologia e Engenharia de Minas

O foco foi na área civil e em Geologia e Engenharia de Minas

Foram lavrados 4 auto de infração em empresas sem registro, além dos 41 Termos de Requisição de Providências (TRDPs), que são entregues no momento da visita do agente fiscal quando as documentações não são apresentadas. O responsável pela edificação tem dez dias para regularizar sua situação.

Foram deixados 29 Termos de Requisição de Providências (TRDPs)

Foram deixados 29 Termos de Requisição de Providências (TRDPs)

A construção civil é uma atividade que movimenta diversos setores da economia global. Além disso, possui diferentes ambientes de trabalho dentro de um só canteiro de obras. O nosso Estado é o terceiro com maior número de ocorrências em acidentes de trabalho, ficando atrás de São Paulo, que lidera o ranking, e Minas Gerais. Entre os acidentes mais recorrentes, estão quedas em altura, lesões e morte – e os acidentes em trabalhos de escavação e movimentação de cargas.

O objetivo é garantir o exercício legal das profissões

O sistema de fiscalização do CREA-RS visa garantir que somente profissionais registrados e legalmente habilitados sejam responsáveis pela execução de projetos/obras, empresas, entre outros serviços da área tecnológica.

 

Fonte: CREA-RS.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O sistema de fiscalização do CREA-RS visa garantir que somente profissionais registrados e legalmente habilitados sejam responsáveis pela execução de projetos/obras, empresas, entre outros serviços da área tecnológica.